Buscar
  • brcidades2017

I Fórum do Núcleo DF para construção do Projeto Br Cidades

Semana Universitária - Universidade de Brasília - Campus Darcy Ribeiro. Semana Escala - Faculdade de Arquitetura e Urbanismo Dia: 25 de setembro de 2018 Horário: 14h às 20h Local: Auditório da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo - UnB (150 lugares)

O Projeto Brasil Cidades (Br Cidades) tem como objetivo construir coletivamente cidades mais justas, mais solidárias, economicamente dinâmicas e ambientalmente sustentáveis, reunindo estudiosos, profissionais, movimentos populares, da juventude, da população negra, das lutas de gênero, dos coletivos LGBT’s, todas e todos em torno da Agenda Urbana. A Coordenação Nacional do Br Cidades é composta por Ermínia Maricato, Margareth Uemura, Lizete Rubano, Paulo Colosso, Carina Serra, Karina Leitão, Celso Carvalho e João Sette Whitaker. Alguns núcleos do projeto já se formaram, ou estão em processo de formação no território brasileiro como Curitiba, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Santa Catarina, Salvador, Fortaleza.

O I Fórum do Núcleo DF para construção do Projeto Br Cidades tem como objetivo apresentar os membros do grupo que está se formando no âmbito do território do Distrito Federal e apresentar trabalhos que a Coordenação Nacional vem desenvolvendo. O encontro ocorrerá na Semana Universitária da Universidade de Brasília, na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, na tradicional "Semana Escala" cujo tema este ano é "Fora da Escala".

Na visão dos estudantes, diante da conjuntura do país é importante abrir novas perspectivas, para além do projeto de arquitetura e urbanismo e do ambiente acadêmico, para "fora da escala", e descobrir as cidades e o território do DF através dos olhos da sociedade, dos atores que produzem e vivenciam o espaço da cidade diariamente. Pretende-se agregar movimentos estudantis, movimentos populares, sindicatos, entidades profissionais e técnicos de governos local e federal. Neste contexto, a Semana Universitária promovida pelo Decanato de Extensão da UnB com o tema “Somar Idéias e Integrar Vidas”, torna-se uma boa oportunidade para trocas de saberes e para fortalecer o compromisso social dos estudantes, futuros arquitetos urbanistas da FAU.

Estão programadas duas palestras com os membros da coordenação nacional de São Paulo para apresentação do Projeto Brasil Cidades: João Whitaker, professor da USP e ex-secretário de Habitação no governo Haddad e Paulo Colosso do Levante Popular da Juventude.

PROGRAMAÇÃO

14:00 às 14:30 - Abertura: boas vindas institucional da FAU/UnB: José Manoel Morales Sánchez (Diretor FAU/UnB); Liza Maria Souza de Andrade (Coordenadora de Extensão FAU/UnB); João Sette Whitaker (Br Cidades/FAU/USP); Paulo Colosso (Levante Popular da Juventude SP);

14:30 às 15:00 - Palestra: O que é o Projeto Brasil Cidades? Paolo Colosso (Br Cidades/Levante Popular da Juventude SP) e Ágata Parentes (Levante Popular da Juventude DF)

15:00 às 17:30 - Mesas de apresentação dos membros do Núcleo DF do Br Cidades 15:00 às 15:30 - Mesa 1 - Universidade, Democracia e Sociedade: a Extensão Universitária como estratégia central para promover a troca de saberes, assistência técnica e inclusão social. Liza Maria Souza de Andrade (Extensão/FAU-UNB/Periférico/CASAS); Benny Schvasberg (FAU-UNB/LabUrbe); Ricardo Neder (NP+CTS/CEAM-UnB); Percy Coelho (IH-UnB); Manoel Neres (Centro de Convivência Negra - CCV/UnB); Wagner Martins (Escola de Governo Fiocruz). 15:30 às 16:00 - Mesa 2 - Movimentos Populares do DF: lutas e ações para construção de uma agenda popular do território. Cristiane dos Santos - (CMP); Yuri Leão (CONAM); Maria Zezé (MTST Planaltina); Eduardo Borges (MTST Sol Nascente); Edineide Rocha (MST); Lourenço Amaral (MNLM); Fábio Miranda (MTD); Thiago Ávila (Agenda Popular da Água/FAMA). 16:00 às 16:30 - Mesa 3 - Movimento Estudantil e Cultural, Juventude Popular, Coletivos: novas formas de linguagem na luta pelo direito à cidade, hip hop, slam, ocupações. Max Maciel (Periferia no Centro); Rayssa Cavalcante (AJUP); Lorrany Arcanjo (Semana Escala/Ocupa FAU-UnB); Carolina Tavares (CASAS/Semana Escala/Ocupa FAU-UnB); Tobias Pereira (Levante Popular da Juventude); Helen Frida (Casa Frida); Abder Paz (Mercado Sul Vive). *16:30 às 17:00 - Mesa 4 - Entidades profissionais, Sindicatos, Técnicos de governo: novos arranjos institucionais para promover mudanças por meio da assistência técnica.*Célio Mélis (IAB/DF); Carlos Adriano Constantino (Ministério das Cidades)⁩; Luiz Sarmento (CODHAB); Letícia Miguel (Sindicato dos Arquitetos); Cristiane Bebedetto(IBDU); Flávia Pereira (SPU); Nazareno Affonso (Instituto MDT) *17:00 às 17:30 - Mesa 5 - Mapeamento de Lutas e Ações no Território do DF.*Percy Coelho (IH/UnB); Ludmila Correia (IAB/UniCEUB); Vânia Loureiro (FAU-UNB); Juliana Coelho (SEGETH); Patrícia Gomes (FAU-UnB); Luiz Felipe Machado (FAU-UnB/Estúdio Mappa).

*17:30 às 18:00 - Café comunitário - momento para trocas

*18h às 19:00 - Palestra: Projetar Cidades com a Sociedade - João Sette Whitaker (Br Cidades/FAU/USP)

*19:00 às 19:30 - Filme da série: "Habitação Social - Projetos de um Brasil" - Direção André Manfrim - a série apresenta um panorama histórico da habitação de interesse social no Brasil, abordando as questões sociais, econômicas, políticas e arquitetônicas que influenciaram as políticas públicas do setor ao longo do século XX, desde as primeiras Vilas Operárias até os recentes movimentos de luta pela moradia. A série tem como fio condutor de sua narrativa a vida cotidiana e a relação dos moradores com os espaços onde vivem. Utilizando entrevistas, grafismos, materiais de arquivo, plantas e croquis, os 13 episódios abordam a diversidade de possibilidades de ocupação humana desses espaços de moradia. Participam do seriado moradores dos conjuntos habitacionais, arquitetos, urbanistas, historiadores, gestores e mobilizadores sociais. Na escuta desse conjunto de vozes, e através do cotidiano desses edifícios e conjuntos, a primeira temporada da série propõe um olhar histórico sobre a habitação social nas regiões metropolitanas de São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte e Vitória.




0 visualização